Análise do Ambiente Interno

Resumo

Quais as características de funcionamento (o que?)
Anualmente, no período de setembro a outubro, a RL realiza seu processo de formulação das estratégias.

A partir de 2005, o planejamento estratégico passou a ser elaborado através de uma metodologia estruturada cuja a Análise do Ambiente Interno é uma etapa das seis etapas realizadas no Ciclo de Reuniões de Planejamento Estratégico (CRPE).

A Análise do Ambiente Interno consiste na definição dos pontos fortes, dos pontos fracos e das competências essenciais da organização. Para chegar a essas definições, os gestores:

I – Analisam o desempenho da implantação de oportunidades de melhoria de processos e infraestrutura, do painel de bordo dos Objetivos Estratégicos (BSC) (OEs/BSC), dos painéis de bordo dos processos e dos painéis de bordo dos programas estratégicos;

II – Analisam o perfil dos colaboradores, ou seja, qual o número de colaboradores, qtde. de homens, qtde. de mulheres, nível de escolaridade, tempo na empresa, faixa etária, etc…

III – Analisam o resultado da Pesquisa Qualitativa de Satisfação Análise do Ambiente Organizacional – Pesquisa de Clima.

No final, os resultados do debate das avaliações e análises acima descritas são registrados nos documentos Análise de Pontos Fortes, Análise de Pontos Fracos e Diferencial Estratégico. Ainda na etapa Análise do Ambiente Interno, simultaneamente ao debate, são listadas no documento Ficha de Identificação de Oportunidades e Iniciativas as ideias e iniciativas (brainstorming) de como atuar nesse cenário.

Para acessar, faça o login

Compartilhe este post