5 passos para fazer seu planejamento pessoal para 2018

26/12/2017

Você pode usar a mesma lógica de um planejamento estratégico organizacional, para traçar suas metas e planos de ação.

Assim como as organizações fazem seu planejamento estratégico anual, momento no qual avaliam os resultados alcançados e traçam metas e objetivos para o próximo ano, nós também podemos fazer o mesmo. Com o fim do ano chegando, é a hora de parar e fazer uma avaliação pessoal, pensar o que gostaríamos de conquistar em 2018 e traçar planos para alcançar as metas estabelecidas.

 

Como fazer?

Você pode usar a mesma lógica de um planejamento estratégico organizacional. O PDCA - Plan, Do, Check, Adjust (planejar, executar, avaliar, ajustar) é uma ótima ferramenta para este fim. Outra metodologia que pode ser aplicada ao planejamento pessoal é a Matriz SWOT. Faça uma análise dos seus pontos fortes, fracos, fraquezas e ameaças, pensando em todas as esferas da sua vida: pessoal, profissional e familiar. Essa análise ajuda você a desenvolver seu autoconhecimento.

 

Metas SMART

Uma boa metodologia para criar metas é fazer seu planejamento pessoal é usar o método SMART. Funciona como uma espécie de checklist, na qual cada meta é verificada e avaliada se possui os requisitos para atingir o resultado. Na palavra SMART, cada sigla tem um significado.

S (Específico)

O primeiro elemento para a construção de uma boa meta é considerar que ela deve ser específica. Responda às seguintes perguntas:

  • O que eu quero alcançar com essa meta?
  • Onde ela será realizada?
  • Como ela será conquistada?

M (Mensurável)

Já dizia Peter Drucker, um dos gurus da Administração Moderna, que o que não pode ser medido não pode ser gerenciado. Portanto, depois de especificar nossa meta devemos ser capazes de mensurá-la. Para fazer suas metas SMART você deve responder as seguintes perguntas:

  • Quanto é o resultado esperado da minha meta?
  • Quanto tempo será necessário para realizá-la?
  • Como vou saber quando estará cumprida?

A (Atingível)

De nada adianta você construir um planejamento fantástico para uma meta que não apresenta condições realistas de ser colocada em prática. Portanto, pense também quais atitudes, capacidades, habilidades e capacidade financeira você precisa desenvolver para alcançar suas metas.

R (Relevante)

Uma meta para ser relevante precisa não só estar alinhada a seu propósito de vida, mas também impactar positivamente a sua vida e das pessoas a seu redor. Pense bem antes de investir em uma meta SMART que não faz tanto sentido para atingir o seu principal objetivo de vida.

T (Temporal)

Uma meta sem prazo é uma meta que nunca será batida, portanto sempre associe uma meta a um período de tempo que ela deve ser realizada. Prazos limites são importantes para transformar a procrastinação em ação. Se uma meta não parece urgente ou não tem uma data de entrega, ela certamente será adiada.


Veja, agora, algumas dicas para ajudar você a fazer o seu planejamento pessoal e atingir seus objetivos. Confira:

 

1- Trace suas metas e objetivos: estabeleça o que você deseja alcançar em sua vida, seja no âmbito profissional ou pessoal. Onde você quer estar nos próximos anos? Agora que você já sabe o que deseja, quais são as ações concretas que você precisa realizar para alcançar suas metas. Pense em ações específicas para cada objetivo do ano. Não seja generalista neste momento. Por exemplo, se você quiser fazer um mestrado, pense em ações como: conversar com gestor, amigos e profissionais do mercado pedindo indicações de cursos, fazer uma lista dos principais cursos e valor de investimento, montar um cronograma de estudos até a data da prova etc.

 

2- Faça uma análise ampla da sua atual situação: não importa em que esfera da sua vida está seu objetivo. A verdade é que é impossível separar a nossa vida em partes. Analise sua situação financeira, sua carreira, sua vida pessoal. Entenda muito bem qual a sua situação atual para ter mais clareza sobre como alcançar seus objetivos.

 

3- Estabeleça prazos: a ausência de datas prejudica não só o planejamento como a concretização dele. Seja objetivo, imponha uma data para realizar suas ações.

 

4- Mantenha a lista enxuta: selecione o que você mais deseja alcançar e foque nisso. A correria do dia a dia e suas outras diversas obrigações não vão deixar de existir. Tenha clareza de quais são suas prioridades e como organizá-las.

 

5- Registre seu planejamento: seja no computador, na agenda, ou em um quadro negro. Tenha algum registro visível de suas metas, objetivos, e prazos. Não esqueça também de registrar suas conquistas e avanços, é difícil manter-se motivado durante a jornada, principalmente em metas de longo prazo, por isso ter um lembrete visual de quanto você já progrediu é importante.

 

Criamos uma planilha para te ajudar a fazer seu planejamento estratégico pessoal. Agora é só colocar a mão na massa e traçar o seu caminho para o próximo ano! Boa sorte e feliz 2018!

 
Loading
Comentários
Para escrever comentários, faça seu login ou conecte-se pelo Facebook ou Linkedin
Carregando... Loading
Carregando... Loading